Texto publicado originalmente em Game Workers Unite.
Traduzido por BH Viana


O estúdio de jogos premiado no Bafta enfrentará um processo e uma campanha contra a culpabilização de ativista sindical

  • O estúdio de jogos por trás de Monument Valley e do recém-lançado Assemble with Care da Apple Arcade, vencedor de vários prêmios, demitiu um programador sênior depois que ele foi questionado pela gerência sobre suas atividades sindicais.
  • A Ustwo negou-lhe a representação sindical em suas reuniões disciplinares e de demissão, violando a lei do Reino Unido.
  • O sindicato deu à Ustwo o limite de sexta-feira (4 de outubro) para reverter a decisão antes de iniciar os processos legais.

3 de outubro: O Sindicato dos Trabalhadores Independentes da Grã-Bretanha (Independent Workers Union of Great Britain, em inglês) deve tomar medidas legais e lançar uma campanha contra o estúdio de desenvolvimento e jogos para celular Ustwo, premiado pelo BAFTA, devido à vitimização de um ativista sindical.

A administração da Ustwo, o estúdio por trás do jogo premiado Monument Valley, informou Austin Kelmore, presidente do ramo e membro fundador da Game Workers Unite (GWU), filial britânica da IWGB, no final de setembro que ele seria dispensado no período de aviso prévio e depois demitido. Isso aconteceu algumas semanas depois que ele foi interrogado por um gerente sênior sobre sua atividade sindical e logo após ele convidar um grupo de funcionários da Ustwo para uma reunião para discutir os direitos no trabalho.

Austin foi um dos três principais programadores do tão aguardado jogo da Ustwo da Apple Arcade, Assemble with Care, que foi concluído pouco antes de ele ser demitido.

Além da demissão por atividade sindical, violando a Seção 152 da Lei Sindical e de Relações Trabalhistas (Consolidação) de 1992, a administração da Ustwo também violou a Seção 146 da mesma lei e a Seção 10 da Lei de Relações Trabalhistas de 1999, negando a Austin o direito de ser acompanhado por um representante sindical na sua reunião disciplinar e de demissão.

A sindicato deu à Ustwo o limite de sexta-feira (4 de outubro) para reverter a decisão antes de iniciar os processos legais.

O departamento de RH da Ustwo havia atacado anteriormente as tentativas de Austin de cobrança da administração e de gerar mudanças positivas na empresa. Em uma reunião e um e-mail subsequente de outubro de 2018, o departamento de RH criticou o fato de Austin ter dedicado parte de seu tempo a “críticas à empresa, esquemas de diversidade e práticas de trabalho” e o fato de ele “pressionar os líderes” .

O e-mail termina dizendo: “Parece que Austin é um bastião de mudança auto-declarado e às vezes fala em nome de outras pessoas”, que é a própria definição de representante sindical. Em seguida, continua dizendo que “O estúdio funciona como um coletivo de ‘nós’ ao invés de líderes contra funcionários, que pode ter sido a experiência de Austin no passado, mas não é assim que as coisas funcionam aqui.

Essa demissão e vitimação injustas por parte da Ustwo não apenas prejudicarão Austin e sua família emocional e financeiramente, mas também poderão colocar em risco sua condição de imigração. Austin, um cidadão americano, foi trazido para o Reino Unido pela Ustwo há quase dois anos com um visto de nível 2, que pode ser colocado em risco pela rescisão de seu contrato.

O secretário do braço GWU UK da IWGB, Jamie Cruz, disse:Apesar das afirmações da Ustwo de ser tanto uma família quanto uma empresa, ela decidiu deixar Austin, um de seus melhores desenvolvedores, completamente órfão. Austin e sua família não ficam apenas sem sua principal fonte de renda, mas também não têm certeza se terão que mudar sua vida inteira e deixar o país em algumas semanas. O sindicato não ficará parado diante desse ato ilegal e cruel e está determinada a revidar até que essa decisão seja revertida, voluntariamente ou através dos tribunais.

A GWU UK tornou-se um braço do IWGB em dezembro de 2018, com os objetivos declarados de combater a cultura de excesso de horas extras não remuneradas da indústria, conhecida como “crunch”, o uso de contratos de zero hora, a falta de diversidade e a incapacidade de lidar com uma cultura de homofobia e machismo.

Para mais informações:
Emiliano Mellino, assessor de imprensa do IWGB
+442035383720
press@iwgb.co.uk


Notas aos Editores

O IWGB é o principal sindicato do Reino Unido para trabalhadores precarizados. A empresa tomou medidas legais bem-sucedidas contra Uber, CitySprint, Addison Lee e outras. Também liderou campanhas bem-sucedidas contra vários empregadores, incluindo a Universidade de Londres, Ernst & Young e The Doctors Laboratory.

Em 2018, o IWGB recebeu o prêmio Future of Work da Royal Society of Arts (RSA) por ser o “primeiro sindicato a obter grandes sucessos para trabalhadores independentes no Reino Unido”.

Monument Valley da Ustwo recebeu os seguintes prêmios:

  • BAFTA Games Awards: Melhor Jogo Móvel e Portátil 2015
  • BAFTA Games Awards: Melhor Jogo Britânico de 2015
  • GDC Awards: Prêmio Inovação 2015
  • GDC Awards: Melhor Jogo Portátil / Móvel 2015
  • GDC Awards: Melhor Arte Visual 2015
  • Apple Design Award: 2014
  • D.I.C.E Awards: Realização de Destaque em Direção de Arte 2015
  • Unity Awards: Melhores Visuais 3D 2014
  • Unity Awards: Escolha da Comunidade 2014
  • 11o IMGA: Grand Prix 2015

Monument Valley 2 recebeu os seguintes prêmios:

  • The Game Awards: Melhor Jogo Móvel 2017
  • IMGA China Award: Melhor Jogo Estrangeiro do Ano 2017
  • Unity Awards: Melhor Jogo Móvel 2017
  • Wandouija Award: Prêmio de Design 2017
  • London Design Awards: Digital – Entretenimento e Lazer 2017
  • YYSTV Award: Melhor Projeto de Jogo 2017
  • Gold Gyro Award: Melhor Jogo Móvel de Jogador Único do Ano 2017
  • Italian Video Game Awards: Melhor Jogo Móvel 2018
  • Gold Tea Award: Melhor Jogo Independente do Ano 2017
  • Webby Awards: Jogos – Quebra-Cabeças 2018